Ci√™ncia, Sa√ļde e Lifestyle Atenção!

Confira os medicamentos falsificados condenados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária

Um dos lotes que a Anvisa se refere a um medicamento falsificado para tratamento de Esclerosa M√ļltipla que chega a custar R$ 9.000.

Por ( Agência Brasil )

04/11/2023 às 09:11:00 - Atualizado h√°
Agência Brasil

Dois medicamentos de alto valor foram falsificados no Brasil. A Ag√™ncia Nacional de Vigil√Ęncia Sanit√°ria (Anvisa) emitiu um alerta para profissionais de sa√ļde e para a identificação de lotes falsificados dos medicamentos Tysabri, usado para tratamento de esclerose m√ļltipla e Ozempic, utilizado para tratar adultos com diabetes tipo 2.

Uma dose do Tysabri (natalizumabe), que √© indicado como terapia √ļnica no tratamento da Esclerose M√ļltipla recorrente-remitente, custa mais de R$ 9.000. J√° o Ozempic, que √© indicado para diab√©ticos, mas vem sendo usado por pessoas obesas, custa mais de R$ 750.

Veja abaixo como identificar os produtos falsificados

Falsificação do medicamento Tysabri, lote FF00336, validade 01/2026

A empresa detentora do registro, Biogen Brasil Produtos Farmac√™uticos Ltda., comunicou à Anvisa sobre a identificação, no Brasil, do produto biol√≥gico falsificado Tysabri (natalizumabe), lote FF00336, v√°lido at√© 01/2026.

O referido lote foi produzido apenas para fins institucionais, e não comerciais, e possui caracter√≠sticas divergentes das constantes no medicamento original, como:

A Anvisa publicou a medida preventiva (Resolução - RE 3.874/2023), que determina a apreensão e a proibição de comercialização, distribuição e uso do produto falsificado.

Veja as imagens do medicamento falsificado abaixo:

Veja os medicamentos falsificados condenados pela Anvisa
???? |Reproducão

Falsificação do medicamento Ozempic, lote LP6F832, validade 11/2025

A Anvisa recebeu comunicado da empresa respons√°vel pelo produto biol√≥gico Ozempic (semaglutida) - Novo Nordisk Farmac√™utica do Brasil Ltda. - sobre a presença de unidades, no mercado brasileiro, do lote LP6F832, v√°lido at√© 11/2025. O lote não √© considerado v√°lido pela empresa e se trata, portanto, de produto falsificado.

A ag√™ncia publicou a medida preventiva (Resolução - RE 3.945/2023), que determina a apreensão e a proibição de comercialização, distribuição e uso do medicamento falsificado.

Fonte: DOL
Comunicar erro

Coment√°rios Comunicar erro

LIG News

© 2023 LIG News - Todos os direitos reservados.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

LIG News